Menu
RSS


Série de Brillante Mendoza chega à Netflix

 

A minissérie Amo (Boss), projeto do cineasta Brillante Mendoza, responsável por filmes como Serbis, Kinatay, Lola, Cativos e Sapi, vai chegar à Netflix globalmente a 9 de abril.

Descrito como na linhagem do seu filme Mãe Rosa, com a qual partilha o tema (a forma como as drogas afetam a sociedade), vários atores, os argumentistas, e a equipa técnica, o projeto constituído por 12 episódios foca-se no programa governamental Filipino de luta contra a droga e que até agora levou à morte de milhares de suspeitos de tráfico e consumo de estupefacientes durante as operações policiais oficiais e ações perpetradas por vigilantes.

A série mostra a "controvérsia em torno da Polícia Nacional das Filipinas na campanha do governo contra a droga, bem como seu papel na sua legítima aplicação", disse Brillante Mendonza, afastando a ideia des estarmos perante uma forma de propaganda e de apoio ao Presidente Filipino, Rodrigo Duterte: "Isso não é propaganda porque a propaganda é quando você favorece uma certa visão. Quando você mostra os dois lados da moeda, isso não é propaganda".

Recorde-se que o realizador prepara igualmente uma nova longa-metragem, Right To Kill, baseado nesta produção televisiva. Construído em três atos, cada um deles se focará numa personagem que representa a polícia, a sociedade e os efeitos psicológicos da violência entre os jovens, apresentando três motivações diferentes para matar: matar pelo poder; matar por lealdade e matar como uma forma de expressão.



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos